Cientistas revelam descoberta de dinossauro que engatinhava quando era mais jovem
24/05/2019

A hora em que um bebê para de engatinhar e começa a andar é um dos momentos mais importantes durante o seu desenvolvimento e parece que alguns dinossauros também passavam por essa etapa.

De acordo com uma equipe de paleontólogos, uma espécie de dinossauro herbívoro que vivia na região onde hoje é a Argentina, a 200 milhões de anos, andava de quatro quando era jovem e depois passava a andar sobre duas patas à medida que crescia até a idade adulta.

O espécime, nomeado de Mussaurus patagonicus (lagarto camundongo), era do tamanho de uma mão humana quando nascia. Durante a juventude, ele andava sobre as 4 patas e somente quando adulto, ele passava a andar sobre duas patas.

mussaurus-mussaurus-hatchling-skeleton

Os cientistas conseguiram descobrir essa etapa em seu desenvolvimento após encontrarem três fósseis quase completos do espécime. Utilizando modelos tridimensionais dos fósseis, eles conseguiram recriar as três fases de desenvolvimento do dinossauro e descobrir a idade em que ele saia de um espécime quadrúpe para bípede. Assim, no início da vida, a enorme cabeça e o pescoço teriam inclinado o corpo do animal para frente, forçando-o a se apoiar sobre os antebraços bem desenvolvidos. Porém, conforme a cauda crescia, o centro de gravidade teria mudado para a região pélvica, fazendo o animal ficar de pé, em uma posição que o permitia andar sobre 2 patas.

O período em que isso acontecia demorava cerca de 8 anos e quando adulto, o animal pesava mais de 1 tonelada.

Não sabemos se esse padrão se aplicava a todos os saurópodes”, conta o chefe do estudo Alejandro Otero, paleontólogo do Museu de La Plata, na Argentina. Mas o fato de este [grupo de animais] ter um ciclo de transição de movimentos semelhante ao dos seres humanos é fascinante.

Andrew Cuff, pesquisador do RVC, acrescentou:

O Mussaurus passou por uma sequência excepcional de crescimento. Eles eclodiram em uma massa semelhante a filhotes, mas nos oito anos seguintes tornaram-se tão pesados ​​quanto um rinoceronte, enquanto mudavam de andar em quatro patas para duas.

Mussaurus patagonicusQuando filhote, o Mussaurus patagonicus andava sobre quatro apoios. Porém, à medida que crescia, seu centro de massa mudava e sua locomoção passava a ser sobre duas patas.

Postagens Relacionadas